domingo, 25 de março de 2018

Verdades sobre as pesquisas

Em qual pesquisa devo acreditar se existem muitas e com resultados tão antagônicos?

Pesquisa que é baseada na ciência matemática chama-se "estatística" e não erra, apenas considera margens de erro, porém os absurdos antagônicos que vemos por ai são as oriundas das chamadas enquetes, que são meros levantamentos espontâneos sem controle nem formula cientifica nenhuma, normalmente feitos através da internet, e na maioria das vezes são frutos de manipulações. Em se tratando de pesquisas cientificas, existe diversas formas e dicas para analisarmos se ela está ou não manipulada, queremos falar de apenas uma dessas dicas, que é a "lógica".  O caso prático mais real em nossos dias é o grande número de pesquisas presidenciais que estão sendo divulgados nas redes sociais sobre os índices do ex-presidente Lula. Vamos dar dois exemplo de análise baseado em "logica", embora também seja um dado estatístico. O ex-presidente Lula concorreu, pelo PT (Partido dos Trabalhadores) em cinco eleições presidenciais, ganhou em 2002 e 2006 e foi o responsável pelas vitórias de Dilma em 2010 e 2014. Porém em nenhuma delas ganhou no primeiro turno, ou seja, mesmo no auge do "petismo" no Brasil, onde o PT era o melhor avaliado entre todos os partidos e o ex-presidente Lula era considerado exemplo de honestidade, nem Lula e nem o PT jamais tiveram 50% mais um dos votos do povo brasileiro. Considerar que agora, com 80% da cúpula do Partido ou presos ou condenados e com o desmantelamento total do crédito moral do PT e de seu líder maior, o Lula, acreditar que teriam mais de 50% dos votos e apoio da população é um absurdo estatístico e lógico, portanto a dica é, obvio que essas pesquisas estão manipuladas, ou seja, são falsas e têm por objetivo enganar e manipular a população.
O segundo exemplo é o caso de União da Vitória, onde algumas pessoas tentam atribuir ou querem convencer de que o ex-prefeito e atual Deputado Hussein Bakri poderia chegar a casa dos 12 mil votos na eleição de outubro deste ano. Hussein também tem um teto de votos histórico, nunca ultrapassou em suas nove (9) eleições que disputou, desde 1988 ele disputa eleições sucessivas em União da Vitória e nunca ultrapassou o percentual de 45% dos votos. Para ultrapassar a casa dos 12 mil votos agora teria que chegar e ultrapassar os 50%. Considerando que perdeu apoio em todas as classes e principalmente da própria família e conta atualmente com o apoio declarado de apenas 3 vereadores, eventuais projeções que consideram o alcance de mais de 12 mil votos em União da Vitória são meras especulações ou manipulações que facilmente são derrubadas pela análise da lógica estatística. Aqui também há que se considerar que Hussein atingiu seu maior percentual de votos quando tinha toda a família e um grande contingente de lideranças políticas em sua defesa, grupos esses que ele perdeu em quase a sua totalidade nos últimos anos. No caso da eleição deste ano a que se considerar que a média histórica de abstenção esta na casa dos 20% dos eleitores cadastrados. E mesmo considerando que o novo recadastramento deveria, em tese, diminuir esse percentual de abstenção, por outro lado o quadro da política nacional aponta para um aumento desse índice.
Os dois casos citados são apenas exemplos de lógicas estatísticas e que podem nos ensinar a não cair em manipulações e enganações. Portanto, não se deixe enganar por pesquisas que tentam te convencer de que mentiras são verdades.